Google Translate

"TEMPO PERDIDO!"

quinta-feira, 13 de março de 2008.
Você pensou que o mundo ia sempre girar em torno do teu umbigo, que para sempre o universo ia conspirar á teu favor, não é meu amor?Você achou que ia ter para toda a vida a atenção absoluta dos rapazes, sim para conquistá-los sempre havia debaixo de tuas mangas os apropriados azes, tuas cartadas eram feitas para lhe darem garantidas vitórias, e elas eram definitivas. Você pensou que teria sempre as pessoas na palma de tua mão, que com tua beleza, juventude, sensualidade e dinheiro, você é que iria tomar o timão desta embarcação, o barco da vida, do qual só você seria seu eterno capitão. Você sempre olhou com desprezo os mendigos tão vadios a beira das calçadas nas ruas em que você passava, tinha nojo do cheiro fétido que suas mãos estendidas expeliam,quando eles só queriam pedir-lhe uma esmola, esta pobre gente lhe era considerada como a imunda escória desta vida. Você se lembra quanto se divertias em escolher o seu mais novo namorado, que sempre era o mais novo e proeminente ricaço?Das noites inteiras em que fazias do ato de se despir de suas finas roupas na suíte de luxo de mais um iate, uma arte em que poucas garotas eram tão competentes como você? Depois do show dado, eu sei, mais uma vitima conquistada,daí era tudo uma questão de tempo,não é mesmo?Logo sua foto e nome sairiam nas colunas sociais, pois teus namoros com homens ricos e famosos eram acontecimentos sensacionais, eram eventos mensais ou bimestrais. As seis da manhã tu chegavas exausta em casa, cansada depois de ter sido a estrela protagonista de uma enorme farra á dois, seu gato siamês te aguardava ao pé de tua cama de madeira de mogno, então pela segunda vez em poucas horas tu se desnudava,livrando-te de tuas vestes caras, para toda nua,mergulhar em tua luxuosa banheira de louça chinesa, afundavas na água quente e espumante aonde fora colocados seus preciosos e caros sais. Agora eu te vejo tão sozinha, percebo que com o passar dos anos muita coisa na tua vida mudou, não há mais rapazes ricos á te cobrirem de jóias, o que houve com elas,se transformaram em jibóias?Não há mais herdeiros milionários á te cortejarem, o que houve com eles , se transformaram em velhos mendigos leprosos?Cadê tuas roupas finas, teus sapatos e perfumes caros, teus carros do ano, por acaso tudo se escoou pelo ralo do teu imenso e luxuoso banheiro?
Agora tens é de acordar cedo, e ir trabalhar em um escritório no subúrbio, a grana acabou,sua fortuna se esgotou,em plena falência você entrou. Acabou-se as mentiras, os jogos de sedução, as grandes intrigas,os teus jogos de exercer pleno comando, acabou tua era de sujeira e desonestidade,pois tudo valia para conquistar muita grana,e conservar sobre todos teu imenso e danoso fascínio,e assombroso poder. O que sobrou agora para você?O que lhe parece garota que a vida lhe é agora?Tua mãe ou tua fétida madrasta?Agora teus amigos ricos não existem mais,eles não te ouvem chorar baixinho de noite em seu quarto, em tua agora pequena casa, eles não enxergam as tuas lágrimas que brilham na escuridão do teu quarto á encharcar tua bela face de jogadora de pôquer vencida,e do jogo para sempre excluída. O mundo gira garota, hoje você está por baixo,amanhã por cima, e logo em outro dia é alguém que está por cima de você, disso eu sei meu bem, que não sabias, com uma reviravolta tão negativa tu não contavas, agora tudo é valetas sujas e favas contadas. Tudo está perdido, medido,traçado, contado,escrito, o mal que plantastes foi somente por ti colhido. Mas eu sei que até pra quem muito errou,pode haver sincero arrependimento, o cair é do ser humano, não há queda que não possa ser revertida, não há erro que por Deus não possa ser perdoado, venha levante-se, só procure ver a vida de forma diferente, chega de louca corrida por dinheiro,sexo,luxo e poder, a verdadeira felicidade sem estas coisas você ainda pode ter, o bem verdadeiro sem estes elementos de pura ilusão em teu coração podes ainda acolher. Veja, como todas as manhãs o sol bate em tua vidraça,perceba que ele nasce para todos,após grande escuridão ele ressurge sempre e de novo no horizonte, para iluminar tua fronte,assim é a luz da esperança para ti,após grande escuridão de fazer temer o coração, ela aparecerá no horizonte dos teus sonhos para teu caminho clarear, e de volta tua existência de novo encantar.
-----------------------
ELTON DAS NEVES O ANJO DAS LETRAS.

Comentários:

TEXTOS E CRÔNICAS DO ANJO DAS LETRAS. © Copyright 2007 - 2017 | Design By Gothic Darkness | Editado por Lizza Bathory