terça-feira, 27 de maio de 2008

" O PACTO III E ULTIMA PARTE".




Creole aquela situação não sabia como enfrentar, pois como iria a Ana Carolina tal aparição explicar? Mas a menina gentilmente a mão do seu namorado tocou, e lhe explicou que há tempos já tinha conhecimento do seu segredo de horror.

O rapaz então lhe disse que neste momento ambos tinham que ser fortes e deviam se conformar com sua triste sorte , pois um sombrio destino estava a lhe esperar e por causa do rock ele deveria aceitar.
Ana Carolina então ternamente lhe abraçou e lhe disse que nunca outra pessoa como ele ela amou, por isso não lhe ia entregar de bandeja, sua alma e seu coração apaixonado daquele vilão protegeria com certeza. Os dois desceram do carro, e frente á frente com o diabo ficaram, como há dois anos atrás quando pela primeira vez Creole o vira, o tinhoso estava todo vestido de preto, em sua boca ele tinha uma risada zombeteira.
- King Creole sua hora é chegada, a minha parte do pacto eu cumpri, pois por minha causa um famoso e milionário roqueiro você se tornou, agora cumpra com sua parte, dê-me tua alma eterna que por um contrato assinado pelas tuas próprias mãos me foi doada, cumpra com sua palavra que me foi empenhada.
Nesse momento, o diabo seus dedos estalou e uma gargalhada sarcástica ele soltou e atrás dele o chão se abriu, e dentro dele uma labareda de fogo fluiu, uma escada íngreme que dava para o interior daquela abertura feita pelo tinhoso no chão se formou.
- Os teus dias de rock´' n roll acabaram, fama, dinheiro e sucesso em eterna dor e suprema angustia se transformaram.
Ana Carolina amargurada, mas cheia de fé no chão se ajoelhou e uma prece de socorro ao céu elevou.
-Suas preces não lhes ajudarão não, a alma de seu estúpido namorado eu levarei por esta abertura que no chão criei á morada sombria do inferno.
Mas sem ao diabo escutar, Ana Carolina continuou á Deus em oração á clamar, foi quando algo extraordinário aconteceu, do alto do céu um enorme facho de luz desceu, e assim que no meio deles ela se refletiu, um misterioso personagem desta mesma luz surgiu.

Era o próprio Elvis Presley mais jovem e mais lindo do que nunca que em seu meio lhes aparecia, em resposta á fervorosa e comovente oração vindo direto do céu, isso causou aos namorados uma grande comoção.
- Diabo, este menino roqueiro e descuidado que com você fez este funesto pacto não será mais por ti molestado.
- Pois saiba rei do rock que tenho um documento por este garoto assinado, quando comigo ele fez um pacto, em troca de sua preciosa alma eu o tornaria tão famoso e rico como tu mesmo o foste nos anos cinqüenta, sessenta e setenta, tu te lembras rei do rock, nestas três décadas deixastes todos em estado de choque.
Elvis apontando ao anjo caído em riste o seu dedo, respondeu firmemente ao diabo: - Você ao garoto enganou, de maneira zombeteira, pois o que você fez foi acelerar coisas que com ele naturalmente iriam acontecer, como o seu talento para tocar guitarra, o empresário que lhe apareceu e que sua carreira de forma competente administra,assim como seus discos de sucesso, que mais cedo ou mais tarde lhe seriam coisas corriqueiras.
O diabo percebendo que pelo maior mito do rock em todos os tempos fora desmascarado, com súbito ódio investe contra Creole. Em resposta, Elvis ergue sua mão direita, e eis que em volta o som de uma musica maravilhosa se faz ouvir e é um hino gospel que ele começa á entoar.
Ao ouvir a voz carismática de Elvis a bela música sagrada cantar, o tinhoso senhor do obscuro solta um grito de horror e desaparece no ar, deixando atrás de si apenas o cheiro de enxofre que lhe é peculiar.
Creole e Ana Carolina ficam pasmos á Elvis há encarar, o rei então lhes sorri e ao menino de Nova Orleans diz:- Que isso garoto lhe sirva de lição, pois o verdadeiro talento de alguém está em seu coração, é só descobrir qual é a sua vocação, não é necessário através de um funesto pacto, doar alma e coração.
Ao acabar a frase, Elvis olha para o céu, se despede e desaparece diante dos olhos do casal magicamente. Aliviados, nos corações e nas mentes dos dois, uma prece.
Esta interessante história vou terminar, contando apenas que King Creole e Ana Carolina com o tempo se casaram e três filhos tiveram e uma vida feliz viveram. Por muito tempo ele continuou a ser o grande roqueiro que no seu devido tempo se tornaria, sem precisar apelar aquele funesto pacto que para o inferno sua alma linda levaria.

A primeira foto á direita da tela é a do famosíssimo cantor de musica rock e pop Elvis Presley- (
East Tupelo, Mississippi, 8 de janeiro de 1935Memphis, Tennessee, 16 de agosto de 1977)

"O Rock 'n' Roll é uma das chaves, uma das muitas, muitas chaves de uma vida complexa. Não fique se matando tentando todas as outras chaves. Sinta o Rock 'n' Roll, e então provavelmente você vai descobrir a melhor chave de todas.” (Pete Townshend)




O conto postado acima e intitulado- “O pactoIII”-, á da autoria de Elton das neves O Anjo das Letras.


Nenhum comentário: