quarta-feira, 14 de maio de 2008

PALAVRAS MORDAZES.

*******Chega de brigar, eu quero mesmo é contigo me reconciliar, basta com este vicio de ficar respirando tanto rancor, como não percebes meu amor, que tal coisa só nos Trás á alma o amargor?

*******Eu quero um beijo seu... desejo me sentir de novo que sou totalmente teu. Meus ouvidos precisam ouvir novamente tuas doces palavras de carinho, sei que ás vezes minha querida, não consegue entender o que eu te quero dizer, em algum lugar em seu coração a minha palavra no que concerne ao seu sentido ganha a distorção.

*******Fique está noite do meu lado, não vá apanhar o carro, rodar neste horário muito avançado pela estrada pode ser perigoso.

*******Deite sua cabeça em meu peito, ouça a pulsação que há dentro dele, perceba que é a do meu coração que amando a mulher que tu és, parece querer entoar uma romântica canção.

*******Não faz parte mais de minha vontade proferir ou ouvir de sua boca palavras mordazes, pois elas nos ferem em nosso espírito como ardentes tenazes.

*******Vamos nos dar uma nova chance, e deixar o que se passou de ruim conosco para trás, comecemos tudo de novo, voltemo-nos para o amor e sua luminosa e dulcíssima face.

*******Comamos o pão do perdão, e façamos de nosso sentimento romântico o nosso terno pendão.

*******Unamos nossos corpos aquecidos pela mais pura e ardente paixão, e neste conluio de amantes entregues perdidamente um ao outro, possamos chegar á uma só conclusão, que sem isso que ardorosamente sentimos a vida se torna uma inútil ilusão.


Elton das Neves O Anjo das Letras.

Nenhum comentário: