quinta-feira, 11 de junho de 2009

VOCÊ É A MINHA AFRODITE!


****Sei que o teu coração gira como os ponteiro de uma bússola na direção do amor que de você se perdeu, mas eu não me importo, nem tudo nesta vida é permanente, as mudanças acontecem a todo momento, observe a sua volta, pronto, tudo já esta de novo diferente.
****A poesia te trouxe até a mim, ou foi ao contrário, será que fui eu o conduzido até você?Seja como for, bendita seja ela, a poesia, que todos os dias nos visita conseguindo sempre nos fascinar. Esta nossa ente querida, tem sido nosso pão de cada dia, nos dado por Febo, nosso pai, aquele que nos fez poetas.
****Entrastes porta dentro de minha vida, sereia de contrastes belíssimos, ora mulher, ora menina, discípula da pureza, irmã da sedução perfeita. Tua literatura poética é como mel a adocicar minha boca, suas palavras impressas no papel são pingos deste néctar confeccionado pelas abelhas a gotejarem em minha língua, provinda de tua pena autoral.
****Quando a primeira vez eu te vi na assembléia dos poetas, nem poderia aferir o que futuramente serias para mim, uma Diana cercada pelos deuses da beleza sem fim, uma Afrodite cerceada pelos cupidos do amor perfeito, uma Psique digna do amor do deus da beleza precisa, Eros, o filho de Poros e Pinia.
****Levo seu sorriso branco e suave em meu coração ardente, trago a doçura de tua beleza física em minha alma rendida a você. Sei que pensas no beijo e no abraço carinhoso que se esvaiu no tempo e no espaço, de um passado recente que te parece agora ser remoto, e nem me enxerga ao teu lado, pleno de uma beleza juvenil contundente, tão densa que se pode cortá-la com uma faca, dono de uma feição bela,de uma estética poderosa.
****Educas as almas dos infantes, iluminada por Apolo o deus da sabedoria, e agora educas a minha na escola do amor pungente.
****Sou seu agora e sempre, pois desde o inicio de tudo já te pertencia, quando eu só era uma semente plantada no berço orgânico materno, você já era a luz de doçura e encanto que me iluminava.
****Afrodite, Afrodite, fazes de mim o teu Adônis eleito, Afrodite, Afrodite, marque-me assim com o seu sinete. Só serei feliz sendo o teu eterno escolhido.

ELTON DAS NEVES O ANJO DAS LETRAS.
-----------------
Essa prosa poética é para você Afrodite, com todo meu amor.

Nenhum comentário: