domingo, 6 de dezembro de 2009

FERNANDA!!!

*******Estou sedento pela tua essência de fêmea sensualíssima, quero matar essa sede bebendo dela até a sua ultima gota.

*******Tua boca é a fonte do meu prazer, não há outra como ela, tua língua guarda na sua saliva o bálsamo que cura a ferida aberta, a ferida da dor amarga da falta que você me faz quando a sombra de tua presença não está sobre mim.

*******Gosto de correr minhas mãos pelo teu corpo exposto as minhas taras que são os meus desejos que fluem com a velocidade das águas de um rio veloz. Eles te alcançam atingindo-te dos pés á cabeça, te dominam completamente como a tempestade se apossa da terra quando ela aponta no céu cinza de nuvens carregadas.

*******Temo em te perder, como temo perder a própria vida. Que o mel de tua vulva desça sobre o céu vermelho de minha boca carnuda, neste momento de doce tormento, que teu cheiro de mulher invada minha alma pelas portas de minhas narinas, e que este teu odor as purifiquem para sempre. E que o orgasmo nos chegue feito um tsunami de delícias únicas e verdadeiras.

*******Amo-te como não amei e não amarei mulher alguma. Amo-te agora! E tenha certeza, amarei até que me chegue aquele meu ultimo dia entre os viventes.

ELTON DAS NEVES O ANJO DAS LETRAS.
--------------

Um comentário:

Mislene Lopes disse...

Nossa que lindo e profundo!!! Mulher de sorte essa Fernanda!!!
Beijos!!!
Linda poesia