domingo, 6 de maio de 2012

Quando tu te ergues em teu leito de luxuria delirante!!!

            Contemplo-te deitada em teu leito de luxuria delirante, e tal visão é uma tentação a minha alma de homem que tanto te quer. É delicioso olhar para a delicadeza de tua pele branca, e imaginar a maciez que ela teria e que seria sentida pelo toque das minhas mãos.

            Teus cabelos soltos e de fios aloirados te emprestam uma aparência selvagem e sensualíssima. Esse teu sorriso provocativo e de uma beleza sem comparação me levam aos píncaros da loucura suprema. Este teu espírito lupino e predador me envolve em suas garras me deixando totalmente indefeso.

            Tu te levantas deste teu mesmo leito luxurioso ardendo em chamas libidinosas como uma Deusa profana do amor, e invocando a minha presença junto a ti, ateias essas mesmas chamas também em mim.

            Quando fazes isso, não tenho outra alternativa a não ser de me entregar de forma absoluta em teus braços de mulher-feiticeira. Inebriado pela tua sedução de força incomum, solto gemidos de prazer animalescos ao sentir, teus lábios, tua língua, tua cútis, tuas mãos e coxas, teu corpo todo tragando o meu em uma volúpia de apetite descomunal.

            Deito contigo neste teu leito de luxurias arrebatadoras, mergulhando fundo em teus êxtases orgásticos mais delirantes.

            Eu me dano completamente em teu inferno obsceno de mulher-demônio.

ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.

Um comentário:

Anonymous disse...

que fera hein!
é muito lindo e sensual tudo por aqui.

Cris Battaglia.