segunda-feira, 4 de junho de 2012

Entre o limite da dor e o êxtase!!!

O teu gosto ainda está na minha língua,
a doçura acompanhada pelo corte frio do prazer.
Teus braços me envolvem em um abraço quente,
neste teu enlaçar me sinto um anjo que vive em puro êxtase!

No calor do teu corpo nu me reencontro sempre com o amor,
é como se me deparasse com ele por mil vezes.

Quero-te por inteira, sem lei e com nenhuma proibição. Desejo-te poro a poro, pelo a pelo, orgasmo a orgasmo. Sou teu sem medida e por isso mesmo sem nenhuma razão.

Possuo-te completamente sem reservas, firo-te em meio as tuas coxas, entre o limite da dor pintada no vermelho do sangue, e o arrebatamento na essência da bem-aventurança orgástica.

ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.

A imagem do quadro que ilustra o texto acima publicado, é uma pintura do artista plástico(a) Schielle.

Nenhum comentário: