sexta-feira, 26 de abril de 2013

Espírito Pagão!!!

       
       Eu sou a água pura que lava a tua alma de teu monoteísmo inútil, mostro-te as faces luminosas de outros Deuses e Deusas que sorriem para ti no espelho límpido de tua alma.

       Transmuto-me no vento da liberdade que acaricia teu cabelo de mulher tão bela, faço-te correr como uma potranca selvagem sobre os prados verdes de tua existência feminina.

       Meus pés pisaram nos jardins poéticos de Ísis, ela que permitiu repousar minha cabeça de homem feito em seu colo como se eu fosse o próprio Hórus. A grande Deusa-Mãe egípcia me abençoou e fez de mim uma chuva de ouro para banhar em intensa alegria teu espírito de filha do Nilo, minha querida.

       O meu corpo é feito de fogo, aquele mesmo fogo ritualístico que te purificas do veneno de cativeiro espiritual que sempre lhe foi imposto pelos cães sórdidos do patriarcado.

       Minha essência é composta do mais puro balsamo que tem a propriedade curativa de libertar tua alma de todas as suas misérias.

       Se quiseres ver meu rosto expulsa de ti toda a escuridão do medo e da revolta. Eu só posso ser visto por olhos femininos que foram tocados pela unção do amor-perfeito.

       Saibas que para ti significo o “Alfa e o Omega” o primeiro e também o ultimo, a flor mística plantada no coração das filhas de Cerridwen.

       Fui o vinho que Eva não se permitiu beber, entretanto, Lilith tomou-me até a ultima gota em seus lábios transgressores.

       Eis que me cercam as ninfas das árvores, logo elas que trazem meu nome tatuado em fogo em seus úteros feitos da mais pura paixão desmesurada.

 - ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.

A todas as minhas leitoras!!!

4 comentários:

Sálvio Britto disse...

Sr. autor. Não fosse o monoteísmo ainda estaríamos como selvagens preocupados com o próprio prazer, orgias e vícios, mascarados como uma suposta celebração sagrada, quando na verdade tudo servia de desculpa para alívio de prazeres carnais desenfreados. É opção de cada um crer ou não crer, mas o que o paganismo fez de bom para a humanidade?
Chamar o monoteísmo de inútil foi desnecessário e ofensivo.

Isa disse...

Esse assustou um pouquinho...

Natan de Alencar disse...

Bem, é verdade. Houve uma assimilação por parte da religião dominante, porquanto protegida pelo Poder, apesar de ter nascido com uma pequena parte do povo, como centenas de outras seitas com profetas similares que morreram em cruzes sofreram martírios, etc. Isso é só ir na História, pois não quero me alongar...Para ser aceita entre os pagãos, a Igreja teria cristianizado várias datas pagãs:

1 - O DIA do SOL = SUNDAY = DOMINGO = DIA PAGÃO.

2- DIA 25 de DEZEMBRO = NATAL = FESTA PAGÃ.

3- ÁRVORE DE NATAL = PRÁTICA PAGÃ.

4- IMAGENS DE ESCULTURA = PRÁTICA PAGÃ

5- TRINDADE= PRÁTICA PAGÃ

6- IMORTALIDADE DA ALMA = CRENÇA PAGÃ

7- ADORAÇÃO A DEUSA MÃE = PRÁTICA PAGÃ

8- USO DE CRUZES = PRÁTICA PAGÃ

9- USO DE PINHAS = PRÁTICA PAGÃ

10- OBELISCOS = PRÁTICA PAGÃ........Por que, eu me pergunto? Pelas mesmas razões pelas quais houve um esmagamento cultural de nossos índios e escravos. Pelas mesmas razões que fizeram católicos, protestantes, e outros, morrerem, enquanto eram minorias. Mas, quando maiorias, exerceram seu domínio da mesma maneira cruel e exterminadora....Não é que em nosso inconsciente se trava a mesma batalha?

Tótila disse...

Apesar do monoteísmo, o ser humano ainda continua preocupado com o próprio prazer, orgias e vícios, mascarados como uma suposta celebração moral.E não me refiro apenas ao prazer sexual, companheiro do ser humano desde que o primeiro primata procurou a primeira primata e deram início ao que viria a ser a humanidade.Por que alguns correm mais atrás de fortunas, acumular riqueza$, se isso não for um tipo de orgia? E o que prefere ir para drogas, bebidas, - considerados vícios nocivos - ou praticar esportes além do normal, que não é tão nocivo como os vícios nocivos? Mas o que o monoteísmo fez de bom pela humanidade? Jogá-la por quinhentos anos na escuridão da ignorância da Idade média, ou idade das Trevas? Condenar a mulher acusando-a de permitir a entrada do pecado na humanidade, por ter comido uma fruta(sic)? Praticar descaradamente a homofobia, a misoginia, o estupro, a pedofilia? Pelo menos, as informações que chegaram até nós mostram o politeísmo, especialmente o céltico, como um sistema respeitador do ser humano como tal, sem discriminar nem prejulgar ninguém.

SEU TEXTO ESTÁ EXCELENTE,
ELTON. MUITO POÉTICO DENTRO DO REALISMO DO TEMA.