sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

A sedutora

          Tu paras de andar, me dás as costas e em seguida olhas para trás em minha direção, tens um olhar malicioso, sensualmente diabólico trazido em teus olhos, e isto me eleva ao cume mais alto da excitação sexual.

          Sabes como mexer comigo, me provocar até conseguir me tirar do sério, tens todas as armas possíveis de sedução sobre mim em tuas mãos. Gata atrevida, gata faceira, és dona de unhas felinas que te dão o poder de me fazer ficar preso em tuas garras.  E eu homem seduzido pelas tuas tentações a mim impostas, entrego-me sem relutância, rendendo-me a tua teia de mulher-aranha.

          Sinto-me atraído de modo irresistível pela mulher que és, afinal, te pareces uma vampira que possui um poder hipnótico sobre o meu cérebro, pois este aparentemente, obedece a todas as ordens dadas por ti de forma telepática. Então em cima da cama, não passo de um objeto de prazer em tuas mãos.  Submisso aos teus quereres de garota devassa, eu entrego-me a liturgia sagrada da carne e as tuas fantasias e fetiches mais profanos.  

          No entanto, não estou a reclamar contigo, muito ao contrário, sou sim feliz porque todas as noites eu tenho a ti, mulher de beleza e formosura inenarráveis que com seus jogos libidinosos, me conduz e reconduz ao caminho virtuoso do deleite orgástico na sua forma mais pura, onde me parece que, nesta mesma forma, habitam os anjos em perfeita união com os deuses.

-ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS

Nenhum comentário: