Google Translate

Tu és a minha flor lírica

terça-feira, 15 de março de 2016.
De ti brotam as flores da esperança, e o perfume delas chegam a minha’alma.  Amo-te absurdamente caminhando em tua direção; sempre querendo experimentar do embevecimento que me causam os teus carinhos.

Apenas tu, oh, minha flor lírica, escolhes quem entra ou sai de dentro de ti, sabe-se: é mulher consciente da tua soberania pessoal.  Sinto-me privilegiado porque me escolheu como o teu eleito, aquele que possui a graça de tocar-te tão intimamente.

Quando soltas todo o peso do teu corpo sob o meu deitando-te em cima dele, sinto um prazer inenarrável, percebo-te totalmente minha e de mais ninguém.  Apenas, quero nestas horas, usufruir de toda a delícia que há em tua sensualidade.  Ao conseguir tal coisa, sinto-me dono do mundo e senhor supremo do tempo.

Sentir o perfume extasiante do teu suor e beber dos teus fluídos orgásticos, me glorifica a anima e por certo, me santifica a carne.  Arrepio-me ao ter a sensação do contato das madeixas dos teus cabelos caídos sobre o meu peito arfante; não tem como eu não soltar gemidos de prazer e palavras desconexas de meus lábios tremelicantes.

Andar pelas praias luminosas dos teus abraços me arrebata aos palácios sublimes do amor romântico, possuir-te com toda a força da minha paixão é como contemplar a face reluzente das mais belas ninfas da mãe-natureza.  Então, digo-te que, estar contigo é como andar de mãos dadas com a felicidade em seu estado mais perfeito.

Se de tua boca brotam aqueles beijos fogosos extremamentes sublimes; é abaixo do teu doce ventre que nascem para mim, os orgasmos que em sua essência, se transcendentalizam de tal modo que, estes se tornam possuidores de uma natureza divinal.


- ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.

Comentários:

TEXTOS E CRÔNICAS DO ANJO DAS LETRAS. © Copyright 2007 - 2017 | Design By Gothic Darkness | Editado por Lizza Bathory